Teatro em Birigui luta para não sair de cena


Cena La Perra dirigida por Tiago Junqueira
Apresentada dias 02 e 03 de outubro de 2010 na Galleria em Birigui.

Falta de apoio é o principal problema enfrentado pelos grupos da cidade

Fundada há três anos a companhia de teatro de Birigui Os Hedonistas batalha dentro e fora dos palcos para se manter em atividade. “A cultura em Birigui é deixada de lado pela administração municipal”, afirma os fundadores da companhia Renata Carvalho e Tiago Junqueira. Para eles, a falta de apoio, principalmente por parte da administração municipal, é o maior obstáculo a ser superado.

 “Manter uma companhia é muito caro. Existem muitos custos (figurino, divulgação, produção, espaço, iluminação), por isso a necessidade de parceiros”. Comentam.

ESPAÇO

Além da falta de apoio financeiro e do reconhecimento por parte da população, outro ponto que atrapalha ainda mais na divulgação da cultura local. “A cidade não dispõem de locais para apresentações”. Com pouco mais de 100 mil habitantes, Birigui possuí um único teatro, o do Sesi. Porém as companhias locais não podem utilizar o espaço, considerado um dos mais bem equipados do interior. Isso porque o teatro só é utilizado apenas por grupos e companhias da própria instituição.

Mesmo com tantos desafios os integrantes do grupo garantem que é possível reverter esse quadro. “É um trabalho árduo. A cidade não é cultural. As pessoas (população) não valorizam a cultural local. Para isso precisamos buscar meios próprios para divulgar o teatro”, completam os atores.

Por exemplo, foi apresentado em outubro (dias 02 e 03) na cidade a terceira edição do Projeto Experimentos Cênicos. Projeto esse que vem sendo desenvolvido desde 2009 e tem o compromisso de movimentar a arte, desenvolver trabalhos criados e dirigidos por pessoas da cidade de Birigui, fazendo com que essas pessoas possam trabalhar sua criatividade e também possam ganhar autonomia que as leve ao caminho do profissionalismo, pois só assim poderá existir na cidade um movimento sustentável e embasado para o desenvolvimento da arte.

A versão inicial contou com sete colaboradores que se revezam entre a direção, produção, concepção e atuação. Já na segunda edição o numero de pessoas envolvidas no projeto chegou a dezesseis, isso mostra a confiança e a credibilidade que o projeto conseguiu adquirir desde sua primeira versão. A atual manteve o mesmo número de colaborados diretamente ligados ao projeto, mas indiretamente muitas outras pessoas colaboraram para a realização do mesmo. Lembrando que sempre sem verba de instituições públicas.

Diferentemente das duas primeiras edições que foram apresentadas somente na cidade de Birigui, esta será apresentada em outras cidades da região, esse é mais um passo dado para a consolidação de um trabalho que só faz crescer ao longo de cada ano, crescer em numero de artistas, colaboradores, principalmente em qualidade e profissionalismo.

O grupo agradece imensamente ao publico que compareceu em todas as edições do projeto, porque são essas pessoas que dão energia e faz crescer nos atores a vontade de continuarem e não desistirem, apesar de toda a dificuldade que existe para fazer com que aconteça.

E eles não desistem, o projeto será levado em frente mesmo sem apoios, como foi levado até agora com dificuldades mas há de crescer ainda mais, porque os artistas/colaboradores que o desenvolvem além de muita vontade possuem uma outra característica que não os deixaria desistir nunca, o AMOR PELO TETRO E PELA ARTE DE UMA MANEIRA GERAL.

E é em nome desse AMOR PELA ARTE que os idealizadores desse projeto gostariam de agradecer imensamente todos os artitas/colaboradores que já passaram pelo projeto e principalmente os que ainda continuam e não desistiram do compromisso que assumiram não conosco, mas com a ARTE.


Conheça o trabalho do grupo pelo site: www.oshedonistas.com.br



Escrito por Tiago Junqueira às 01h23
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


 
Meu perfil
BRASIL, Sudeste, BIRIGUI, BOSQUE DA SAUDE, Homem, de 26 a 35 anos, Arte e cultura, Música
Histórico
Outros sites
  Tiago Junqueira
  Os Hedonistas Grupo de Teatro
  É simples ser complicado
  Barbara Teodósio
  Zizi Possi
  Os Satyros
  Ivam Cabral
  Alberto Guzik
  Rodolfo García Vázquez
  Cléo de Paris
  Laerte Késsimos
  Prefiro Whisky
Votação
  Dê uma nota para meu blog



O que é isto?